Visit Blog
Explore Tumblr blogs with no restrictions, modern design and the best experience.
#projetoflorejo
memorizarr · 6 minutes ago
Text
cheguei em um ponto que estou estática
minha vida não anda nem para frente e nem para trás
nada dá errado, mas também nada dá certo.
b.
0 notes
proteggo · an hour ago
Text
Que seja leve como a brisa do vento, depois do sol forte do verão [...]
{eu me chamo recomeço}
0 notes
colapsoepoemas · 2 hours ago
Text
Prismático
Tumblr media
Oculto prisma,
Invisível,
Altera o clima,
Em algo tangível,
Pois significa,
Algo Indizível,
Refeito por linhas,
De luzes distintas,
Cabível no espaço,
De suas luzes infindas.
Recôndito prisma,
Reflete à luz de seu carisma,
Revela aos mortais,
O arcaico segredo,
De como agregar valor,
Aos teus ideais.
Ser geométrico, organizado,
Obedece à sua natureza refletora,
Não existe possibilidade de ser influenciado,
Por impulsos exteriores, ao que posso observa-lo.
Ele é um objeto único,
Tendo dentro de si seu próprio mundo,
Com suas regras rege a luz que o ultrapassa,
de um modo discreto, em sua calma rasa.
Cores, que remetem de certa forma,
À sentimentos, significados e sabores,
Profundos, indolores, que transmitem esperança,
E permanecem na lembrança.
Porque remetem uma promessa,
Que foi feita no passado, sem pressa,
Pra lembrarmos que tudo passa,
E de sempre apresentar nossas preces,
Pois há um Deus que a ouve, e através disso,
Tudo acontece.
A água não mais submerge,
Não enche, nem mais cresce,
Pois está sobre uma ordenança,
Feita por Aquele que à todos rege.
Eric Souza. 2∆21
2 notes · View notes
proteggo · 3 hours ago
Text
Quem me julga não viu a minha dor, ouviu falar, mas já em cores. Da minha escuridão só eu sei, só eu me perco nela.
1 note · View note
investir-dores · 3 hours ago
Text
Você não merece incertezas.
Se preserve.
Se ame.
Investir-dores
0 notes
investir-dores · 3 hours ago
Text
Lugares
Muitos dizem que o que importa é a companhia, mas será que é mesmo?
Uma cudade noite é lindo, as estrelas e a lua no céu.
Um parque a noite mais vazio que traz uma calmaria.
Uma praia.
Uma cidade nova.
Montanhas que te dão uma bela visão.
Um nascer ou por do sol.
Tomar um banho de chuva gostoso, que transmite paz
Se saíres sozinho(a) terá sensações boas olhando as coisas ao seu redor.
O que muda tua visão é o lugar, a companhia é legal também, mas o lugar é esencial.
Investir-dores
0 notes
investir-dores · 3 hours ago
Text
Escritores
É preciso ter coragem para escrever
Escrever não é tão simples quanto parece
Escritores expõem no papel suas dores, sentimentos, medos e amores.
Usando as palavras expressando o o que sente.
0 notes
esflores-ser · 11 hours ago
Text
Hoje eu não quero conversar nem ver ninguém, apenas deitar e cair na real da minha vida, não vou mais fugir dos dias ruins sabe chega, se for de ser eu vou deixar fluir, não mandamos no tempo, não mudamos as coisas já feitas o que podemos mudar que, mesmo assim é um pouco incerto somos nós mesmos.
@esflores-ser
8 notes · View notes
rothoughtsblog · 13 hours ago
Text
INSPIRAÇÃO QUE MORRE
Tu eras aquela que me inspirava em minhas filosofias
Mas por que me tratar assim?
Tu agora és a inspiração que vai morrendo, sabias?
Deste momento à frente meus textos apenas expressarão a dor que há em mim.
Do que adiantou eu me inspirar em ti se tudo na verdade é apenas ilusão?
E novamente, aqui se quebra meu coração.
By: Rothoughts
1 note · View note
renascestes · 15 hours ago
Text
eu tô andando em círculos enquanto abro e fecho caminhos. me dizem sempre que diálogo é ponte e através dele chegamos em outro lugar, mas sempre que chego no meio minhas pontes caem sem prévio aviso e eu grito. uma, duas, três vezes. em plenos pulmões. não sai nenhum som, meu grito é interrompido antes de se manifestar, atropelado pelos outros milhares que tentei fazer ouvir. não quero incomodar a paz de ninguém com meus sons engarrafados em gargantas travadas, só me dói não poder ser. queima minha pele esconder tanto que quero mostrar, o que tira meus ânimos mais inocentes é pensar que para ser-nesse-mundo preciso atuar algo que não me contempla mais. todo silenciamento figurativo vira falta de ar, de voz e de afeto. não me toquem se não puderem me ver de verdade, não me chamem se não quiserem me ouvir. minhas cordas vocais se negam a produzir quaisquer vibrações enquanto não houverem espaços para tudo que vive aqui, embaixo da pele. seus olhos não me vêem, seus ouvidos não me ouvem e sua indiferença me rouba o ar necessário para dizer duas ou três palavras salvadoras. não vibra em minha garganta nada além de gritos engasgados e afogados em impedimentos. todo aquele que me impede afoga meu suplício um pouco mais. só. silenciosa. fechada. espero que entenda minhas tentativas falhas e meus gestos abrangentes porque o dizer me foi roubado junto com o gritar, porque não sobra ar em meus pulmões que seja suficiente para empurrar para fora todo o lamento e potência. incapaz de respirar por baixo de tudo que me transforma em algo que não sou eu. [talvez falte ar porque tenho um universo inteiro entalado na garganta]
36 notes · View notes
refeita · 15 hours ago
Text
silêncios
tento esquecer o quanto já estou atada a tudo que penso que nós podemos ser. suas falas pontuais somadas aos meus devaneios já são tão sincronizadas que parecemos nos conhecer há eras. te apresento meus traços longos, cheios de desdobramentos, você me mostra uma segurança que mais parece de outro mundo. talvez seja. a fala firme, a certeza da incerteza e o ouvido disponível para minhas viagens sem destino. tudo que nós somos entre os silêncios me fascina, me faz querer dizer todas as coisas e nenhuma. e eu não digo. não sei dizer. me desorganiza o passo não saber falar nada que conecte todas as sinapses simultâneas e o coração descompassado. respiro fundo entre pensamentos hiper-acelerados e me calo diante da magnitude manifesta e latente desse encontro. minha saudade persegue seu sorriso despretensioso na hora mais bela do dia, iluminado pelo sol entrando pela janela. seria aqui o teu lugar? entre minhas completudes e vazios? entre minhas expansões e recolhimentos? no nosso silêncio confortável, enquanto te vejo se perder em mil pensamentos, sinto presa na garganta a vontade de gritar que há algo mais a dizer - e não há, ao mesmo tempo.
23 notes · View notes
colapsoepoemas · 15 hours ago
Text
Nossa festa particular
Se tem café vamos embora
Curtir um filme até altas horas
Mas vê se não se demora,
Pois já está se esfriando a pipoca.
Vamos ler os nossos livros
Fazer um debate amistoso
Vai ser lindo
Que seja por meia hora ou uma,
Ou até por algumas,
Mas que terminemos rindo.
Sem pressa pra dormir,
O café acelera os nossos pensamentos,
E a conversa então começa a fluir,
Então aproveitaremos como pudermos,
Ao máximo, os nossos momentos.
Hoje há de ser pura festa,
Vamos nos divertir,
Ver no que acontece,
Fazer valer o "existir".
Eric Souza. 2021
7 notes · View notes
caoticamentemila · 15 hours ago
Text
Gostaria de dizer que sim, que você já não me causa dor. Que já não sinto falta de contar as novidades para você. Gostaria de dizer que já virei a página sem me machucar mais e que as feridas que você causou não sangram, e que as cicatrizes não coçam. Mas não é verdade. Porque ainda me dói, ainda me machuca, ainda faz falta não ter você aqui comigo todos os dias. Não te superei , ainda não. Eu apenas aprendi a conviver com sua ausência, com esse vazio que você deixou. Aprendi a suportar não ter você aqui, mas isso não quer dizer que você passou. Não passou. Você não é passado. A sensação que eu tenho é essa: você nunca vai passar... e sabe porque? Porque você me quebrou, o tempo me reconstruiu (ele não cura), mas não me tornou inteira como antes. Fui e estou colada, apenas, como se eu fosse de vidro. Perdi pedaços importantes que me farão falta para sempre. Pedaços seus e que não permitem que você passe. Mas, não se preocupa, a dor que você causou já não é mais aguda. Pelo menos isso. Já não me arranca mais lágrimas, já não me tira o equilíbrio, já não me desespera. Já não muitas outras coisas , e está tudo bem. Tá?
milábê.
19 notes · View notes
excepcionalidadee · 15 hours ago
Text
Eu estou com alguém porque descobri que posso ser feliz sem você, eu deixo alguém encostar em mim hoje porque sei que posso satisfazer alguém além de você. Meu sorriso ainda é sincero, mas descobri que meu sorriso pode ser sincero por mim e não só por você. O abraço que eu moro hoje me cabe muito bem, e me fez casa. Eu fui tudo o que eu pude, eu dei tudo de mim. E por alguns dias eu pensei que morreria por causa disso, mas lembro da promessa de nunca mais me autoagredir. Eu me entreguei, e hoje ainda sofro a “consequência” de te amar demais. 
Eu estou com alguém, porque vi que você seguiu sua vida e eu também tenho que seguir a minha. Eu estou com alguém que gosta de mim, assim como você gostava. Com alguém que compartilha das mesmas ideias, e pensamentos. Dos mesmos gostos, e brincadeiras. Eu estou com alguém e estou bem com isso, estou seguindo minha vida. 
Estou tentando ... 
Garota apaixonada pelo sol
73 notes · View notes
carentizando · 16 hours ago
Text
mas é que eu gosto de quem enxerga além do que eu mostro gosto de quem lê nas entrelinhas e decifra os meus pensamentos gosto de quem ultrapassa os limites sem parecer invasão  e me faz querer mais do mais. gosto de gente simples, de alma simples e peito aberto, que me deixa livre pra ser quem sou  e que a única prisão é dentro de uma abraço. gente assim faz a minha alma voar  gente assim me faz querer ficar.
Caren B.
130 notes · View notes
alma-livre-sonhadora · 17 hours ago
Text
E ela disse que me amava, que se não fosse minha, ficaria sozinha...
Ela disse que seria minha pra sempre, que não deixaria ninguém mais encostar nela.
Ela disse que somente o meu toque lhe despertaria desejo.
Ela disse que seu sorriso mais sincero seria pra mim.
Ela disse que somente meu abraço seria seu lar.
Ela disse que nunca me trairia, que me esperaria se fosse preciso.
Ela disse .
E eu?
Eu simplesmente acreditei.
#a.f.f.
6 notes · View notes
intimos-devaneios · 17 hours ago
Text
estou onde eu deveria estar
fui quem eu deveria ser
nas estradas solitárias
eu me perco em pensamentos
tudo que eu vi
sem explicação
sem lamentos
só aceitação
2 notes · View notes
poemabstrato · 17 hours ago
Text
Dançara expressivamente, elevando delicadamente suas mãos pelo ar enquanto ouvira uma das músicas clássicas, encantadoras eu diria, de Tchaikovsky. Não aparentava para os que a via por fora mas, por dentro, aquela menina ardia de dor. A música, a dança, era toda a arte que ela conseguira fazer e era suficiente para deixá-la leve sem precisar desafogar-se para alguém. Digo à vós que encontre a sua própria arte viva, ela te salvará dos mals dias.
26 notes · View notes