Visit Blog
Explore Tumblr blogs with no restrictions, modern design and the best experience.
#autorais
m-ultiverso · 5 hours ago
Quote
Hoje dei gargalhadas por nada, fiz novas amizades, conversei com pessoas que me fazem bem, estive feliz, me senti feliz. Parece que com a nossa situação atual, sentir-se assim pesa, causa um certo desconforto, pois tantos sofrem todos os dias. Eu sinto por isso, mas hoje eu abracei esse 'egoísmo', há quanto tempo precisava de um dia assim, de conseguir estar feliz com coisas que para muitos são pequenas, mas que encheram meu coração que tem apanhado por tanto tempo, hoje eu pensei em mim, eu fui feliz por mim. Escutei músicas tristes que me fizeram sorrir, lembrei de pessoas que me fizeram chorar com um sorriso no rosto e a estima que estejam bem, felicidade nunca será um destino, mas sim momentos ou talvez um conjunto deles, aproveite cada um, pois podem estes serem escassos.
Tiago C.M. - Estive feliz
0 notes
piroposa · 5 hours ago
Text
Minha adorável nictofilia
Oh minha adorada amada
Minha rainha vestida de infinito
Traz consigo um sorriso enquanto dilacera meu peito
VOCÊ que disfarça em sorrisos o inferno interno
Que tem dentro de si a chamas ardentes da paixão
Tumblr media
Diga-me o deseja?o que quer eu faça?
É preciso sentir o caos que ela é
Eu sei que vai doer.....tudo dói, sempre doeu
Ela é a furia de uma tempestade
É assustadora mas ainda sim tem a beleza de uma rosa mas não uma rosa como outras cem mil ela é unica pois a cativei
Sinto-me confortável quando seus espinhos rasgam minha carne
Eu a vejo sorrir em fotos mas ela talvez esteja quebrada por dentro
Machucada e com medo
Queria ter o dom de abraça-la e dizer que vai ficar tudo bem
Mas e senão for tudo bem ?
Como suportar a minha mentira
Eu a amo muito
Deita sob meu ombros
Mostra-me que ainda estou vivo
Esconda minhas lágrimas
Provoque-me sensações
Pois ja nem sei sinto algo
Então como a chuva derrame suas lágrimas e lava meu peito
Igor lucas
cartas a minha anarquista
0 notes
guilhermevili · 7 hours ago
Text
"Se um único momento pode destruir, um único momento pode reeconstruir.🌹
18/05/2021
"GUILHERME VILI.
1 note · View note
guilhermevili · 8 hours ago
Text
"Não sabem pra onde eu fui, na onde eu cheguei, mas eu sei oque eu virei, saberão o que me transformei.... Ou não.🌹
17/05/2021
"GUILHERME VILI.
2 notes · View notes
inutilidadeaflorada · 9 hours ago
Text
O Impacto da Violenta Revanche
Eu sou a vergonha do espelho Espelhando uma persona torta Consumida em suas vulgaridades Consentida ao deus deveres-desejos Algo frágil dançando em teus dedos Usufruído das vaidade autônomas Como um boneco, esperando a ordem Qual personagem devo encenar hoje? Como pôde, tu ser a traição A toda a beleza que pregara? A superioridade subversiva Penando conflitos com a superficialidade da alma Parcialmente imperfeito Todo resto atribuído ao conceito Conforto-me nas minhas entranhas Gorando-te o veneno que me amaldiçoa Em minhas virilhas, escorre nomes A quem me fizera desprezo e deleite O sangue aguada ao qual fui banhado Se traduz nos gumes de meu sexo Eu contribuí com meu grito, carne e espírito Eu pus toda a raiva no redemoinho que se formava Assistindo extasiado as chamas consumirem a todos Em um ato puramente agressivo que buscava a revanche E rezei com uma fé que não era minha Para que após o incêndio, nada restasse Apenas um cômodo vazio, a interpretação frívola Para que eu mesmo me lamentasse Cantando canções de luto infames Eu seria órfão, viúvo, despatriado Caricatura vertiginosa do que fui um dia A revolta dos pesares e os pesar da cruz...
1 note · View note
guilhermevili · 11 hours ago
Text
"Ela viu além do que eu sou... E eu nunca irei esquecer aquele olhar, Porque também a vi além do que ela é.
17/05/2021
"GUILHERME VILI.
1 note · View note
peixe-de-aquario · 13 hours ago
Text
Quando caminhar ao ar livre
Em um dia de sol
Pare, por um instante,
E veja sua sombra no chão...
Se certifique de que sua sombra
Mostre apenas você e o contorno de seu corpo
Tenha a certeza
De que não existe nenhum esqueleto
Pendurado em suas costas
Feito uma mochila velha e pesada...
Durante a vida, muitas vezes
A gente vive situações ou momentos
Que depois se descobre não nos serem bons
E acabamos por optar em sair deles
Se livrar daquilo que não lhe faz bem
E seguir a vida,
Em frente e feliz...
Ocorre que muitas vezes,
Ao sair destas situações
A gente não percebe e leva conosco
Mesmo contra nossa vontade
Parte daquilo que não nos fazia bem
E sem perceber passa a conviver com isso
Com esse peso morto preso às nossas costas
E vira e mexe esse peso nas segura,
Nos atrasa e não nos deixa seguir...
Então procure bem,
Olhe, vasculhe e tenha a certeza
De que nada de ruim ficou
E se por acaso encontrar
O menor vestígio que seja
Se livre,
Jogue fora de vez
Descarregue esse peso inútil de suas costas...
Um dia eu também vou conseguir
Me livrar dos meus...
6 notes · View notes
peixe-de-aquario · 13 hours ago
Text
Certas situações são inevitáveis na vida
Mais cedo ou mais tarde,
A partir da bondade com a qual você se guia
Algumas pessoas verão que seu coração é puro
E sim,
O maltratarão propositalmente!
Muitos farão isso por inveja,
Por não se saberem capazes de ser como você é
E desta maneira optaram em tentar destruir
Aquilo que te faz melhor que eles...
Outros farão por falta de capacidade de compreensão
Não serão capazes de entender sua pureza
E por não perceberem o quanto isso é especial,
Tentarão maltratar o que não compreendem...
E terão aqueles que te maltratarão
Simplesmente por que eles não têm o que você tem
Eles não são e nunca serão como você
E por raiva da vida que vivem
Tentarão maltratar o que nunca serão...
Mas acredite,
Haverá também aqueles que ao invés de maltratar
Irão ver em você o reflexo do que são
Do que sentem
E estes, com certeza
Serão aqueles que estarão sempre por perto
E dispostos a aprender a cada dia
Com a sua bondade...
5 notes · View notes
peixe-de-aquario · 15 hours ago
Text
O dia
Todo o dia
Todos os dias
Manhã
Tarde
Noite
Vazio
Dia vazio
Alma vazia
Mente vazia
Sofre por amor?
Ouvi a pergunta
Sofrer por amor,
Sofrer de amor
Qual a diferença?
Se há amor,
Não devia haver sofrimento
Sofro por vazio,
Essa é a resposta...
9 notes · View notes
byalix · 15 hours ago
Text
“Como você tem se sentido?”
Meus dedos sangram com a força que uso para pressioná-los nas teclas que traduzem a bagunça dentro de mim. Algo dentro de mim se encontra desesperado para sair, para ser visto e sentido. Tic tic tic – soa no ar, rapidamente. Dedos ágeis, correndo e dançando, tentando ao máximo colocar para fora essa sensação desesperadora. No entanto, não importa o quanto eu tente, a bagunça nunca toma forma; continua escorrendo de forma abstrata e eu nunca consigo traduzi-la. Minha visão fica embargada, atrapalhando minha concentração, o desespero fica maior e tudo se torna sufocante. Apagando, escrevendo, apagando. Encaro aquelas três palavras que restaram: eu não sei. 
- by Alix
1 note · View note
peixe-de-aquario · 15 hours ago
Text
Hoje o caos é interno
Físico e emocional
A casca não reflete o interior
Na verdade, apenas impede a explosão
E faz com que a implosão não seja percebida...
Mas o corpo somatiza
E o que tenho na alma
Se materializa em sintomas
E sinais evidentes
De que a desordem interna
Prevalece sobre todo o resto...
Sinto náuseas,
As pálpebras pesam
Um cansaço sem causa
Que nada faz descansar...
O caos precede a crise.
7 notes · View notes
aosmad · 17 hours ago
Text
Tava pensando em escrever um livro
Fiz um catarse por impulso hahaha
Quase tudo nessa vida faço por impulso
Ver até onde esse fogo de palha vai
Sejamos realistas, quase ninguém iria querer ler o que escrevo
Mas tá aqui o link pra quem quiser ajudar:
A foto foi eu que tirei, um autorretrato, se o livro ficar muito enfadonho, uso o dinheiro arrecadado pra comprar uma câmera.
As ideias que uma pessoa sem rumo tem
É um tudo ou nada, se não juntar o valor se tem o dinheiro de volta!
1 note · View note
memorizarr · 18 hours ago
Text
cheguei em um ponto que estou estática
minha vida não anda nem para frente e nem para trás
nada dá errado, mas também nada dá certo.
b.
2 notes · View notes
peixe-de-aquario · 19 hours ago
Text
As dores do corpo,
Mesmo as de causas desconhecidas
Podem ser tratadas de diversas maneiras
Com remédios e outros tantos meios
Que se fazem cessar
E deixar de doer...
Mas e se as dores vem da alma e do sentir
Como se tratam?
Quem hoje me vê
Não vê a metade de mim...
Vê apenas meu corpo,
Meu rosto,
Meu aspecto
E por mais minha face demonstre
Não há uma evidência clara de meu sofrer
Do que me doí...
Complica-se ainda mais
Quando essa dor não se define
Não se mostra por completo
Mas, ao mesmo tempo,
Se completa em tudo e em si mesmo,
Me ocupa, me corroí...
Dói no que penso,
Doí no que vejo,
Dói no que faço...
Doí,
Apenas doí...
E dessa dor não tem remédio
Nem bula, quiçá solução
Dói na alma,
Reflete no peito
Dor de amor
Dor de paixão...
7 notes · View notes
guilhermevili · 19 hours ago
Text
"EFEITOS.
"O dia era a noite, nublado ou limpo, era o limbo... Com ar de paraíso, aonde se tinha os verdadeiros sorrisos, sem filtro e sem escudo... éramos 1 só, e a escuridão era o sol, e durante o luar a festa! ao som do nossos corações... marcando canções, em meio a multidões... nunca se perdemos, vento nos guiando pros reencontros, almas interligadas, entre ódio e desabafos... Lágrimas e gargalhadas, um inspiro... Tudo não faz sentido e o nada fez sentido. Sem falar... os olhos dela me comunicava. Os olhos também fala
17/05/2021
"GUILHERME VILI.
2 notes · View notes
peixe-de-aquario · 20 hours ago
Text
Quando criei o peixe-de-aquário, a quase 03 meses
Não tinha claro a intenção de fazê-lo
Possivelmente a proximidade de meu aniversário
Tenha sido uma das causas dessa criação.
Não tinha nenhuma noção sobre o que viria dai
E após feito, do que resultaria essa aventura.
O primeiro texto foi postado no primeiro dia de março
Um texto escrito a mais de 30 anos, o único que nunca esqueci
A partir daí me permiti criar novos e postá-los aqui.
Comentei com algumas poucas pessoas sobre o aquário
E deixei a brincadeira seguir sem me importar.
Um efeito rápido e positivo disso
É que a criação se tornou algo fácil
Mais fácil do que eu imaginava
As palavras decidiram acampar em minha mente
E se juntarem, criando textos atrás de textos
Ao mesmo tempo visitei algumas páginas
Onde encontrei inspiração para outros textos...
A jornada de criação cada vez mais intensa
Mais textos, mais textos e mais textos
Até que houve um primeiro like, e um segundo, e um terceiro...
E um susto quando um primeiro texto
Foi postada numa outra página...
Também me surpreendi quando algumas pessoas
Fizeram a louca opção de seguir a jornada do peixe...
Hoje, 77 dias depois, são quase 300 textos
E um pouco mais de 300 seguidores...
É uma sensação estranha e ao mesmo tempo muito legal...
Gosto do que sinto,
Gosto de ver minhas palavras sendo lidas
E entendidas ou não, que provoquem reações
E que que alguma forma, possam ser uteis para alguém...
Assim o Peixe segue e continuará seguindo
Povoando o aquário com palavras e sentimentos...
7 notes · View notes
peixe-de-aquario · 21 hours ago
Text
O que meu espelho pensa sobre mim?
Será o mesmo que penso
Quando em frente a ele
Fico apenas olhando, olhos nos olhos
Apenas por olhar?
Tem momentos que divago,
Navego sem rumo definido,
Buscando encontrar detalhes que não achei ainda
Um mergulho em mim mesmo
Cuja busca se resume em autoconhecimento
E expansão dos limites do que sou...
Hoje, mais do que em outros dias
Minha equação interna está fora de compasso
Alguma coisa dentro de mim está em desequilíbrio
E sinto claramente os sintomas que isso me causa
Uma carência latente, embora eu não saiba sobre o que
Uma tristeza involuntária, vazia e sem sentido
E uma dificuldade em escrever palavras
Que não remetam ao cinza e ao frio...
8 notes · View notes
peixe-de-aquario · 21 hours ago
Text
Se a análise sobre o que é o melhor de mim
É feita por mim mesmo
Ela pode até ser real
Mas não sei se é a correta...
Eu, ao me ver
E me rever
Sei de meus erros,
De minhas falhas
E de meus defeitos de fabricação...
Um outro, a me ver
E mesmo me rever
Verá apenas a visão de mim que lhe é permitida
Concedida e liberada...
Certamente não verá o lado B de mim
Não verá meus rascunhos
Ou as obras imperfeitas...
Não saberá que minhas dores nem sempre são reais
E, sendo sincero, nem sempre são sinceras...
Eu minto e conjugo todos os verbos ruins
Tenho dias amargos e noites de fúria
Permito que a ira e sentimentos pesados me dominem
E vivo nestes momentos
Tudo aquilo que somente meu espelho conhece...
Então, a vida que vivo
Se baseia em equilíbrio e consenso
Da compensação e contenção dos extremos
E da escolha das palavras pensadas, ditas e escritas...
De resto, me permito seguir nesse caminho
De criar meus textos, cenários e estórias
Contar meus sonhos, delírios e devaneios
E esperar que isso, de alguma forma
Seja útil para alguém....
5 notes · View notes